quinta-feira, 4 de agosto de 2011

mensagem subliminar,preste atenção pra não se passar.

Image Hosted by ImageShack.us

A falta de criatividade louva o nome de satanas. Na foto acima: Sou de Jesus Ja fiz minha escolha, o "s" da palavra Jesus parece um "X", com isso forma a palavra "EXU". Cuidado, preste atenção, pois isso é nova era, iluminati, é louvar a Lucifer.O SANGUE DE JESUS TEM PODER.


esta bem disfarcado e "QUASE" da para passar despercebido.


po isso amados, fiquemos na meditacão dessa passagem em 1tess. 5;19
examinai tudo, retende o bem.


edna.
o espinho e a rosa



quarta-feira, 3 de agosto de 2011

o plano de satanás de destruir as familias esta sendo bem- sucedido



      O Plano de Satanás de Destruir a Família Está Sendo Bem-Sucedido Resumo da notícia: "O Estado do Casamento Está Pior: Poucos se Casam e Permanecem Felizes", por Deepti Hajels, Associated Press, reimpresso no The Sun Chronicle, 2 de julho de 1999, págs. 1,4. "Newark, NJ — O casamento está enfraquecido como instituição nos Estados Unidos, em que o número de pessoas que dizem 'Sim' é o menor na história do país. Além disso, cada vez menos pessoas que se casam declaram estar 'muito felizes' em seus casamentos, de acordo com um estudo publicado na terça-feira [29 de junho] pelo Projeto Nacional Sobre o Casamento, da Universidade Rutgers." "O estudo 'O Estado das Uniões: A Saúde Social do Casamento nos EUA' revelou que o índice nacional de casamentos caiu 43% nas últimas quatro décadas, atingindo seu ponto mais baixo... Os pesquisadores atribuíram a tendência decrescente ao fato de mais casais optarem por alternativas, como viver junto sem casar ou adiar o casamento até mais tarde na vida." "David Popenoe, sociólogo da Universidade Rutgers e co-autor do estudo, está preocupado que a tendência declinante continuará. 'Estou mais preocupado com os adolescentes. Com a destruição da família, a cultura de grupo, que inclui a cultura popular, está se fortalecendo. Nada pode ser mais contrário ao casamento que grande parte da cultura popular." David Popenoe é um pastor batista fundamentalista pregando do púlpito? Não, é um sociólogo da Universidade Rutgers, um bastião do liberalismo e do humanismo secular nos EUA. Entretanto, as palavras dele soam exatamente como as de um pastor batista. Os líderes cristãos fundamentalistas dizem isso há muito tempo, pelo menos há quatro décadas. Todavia, ninguém nunca deu ouvidos, e nossa sociedade tornou-se mais secular, mais fria, e mais de acordo com os valores satânicos. Finalmente, quando nossa sociedade alcança massa crítica nessa terrível transformação, até mesmo alguns liberais começam a se dar conta e soar o alarme. "Popenoe diz que os adolescentes pareciam acreditar no casamento, mas não querem aplicá-lo a si mesmos. Muitos adolescentes viram ou viveram a situação do divórcio na família e não têm bons exemplos de casamentos para imitar. 'Os adolescentes nem mesmo conhecem alguém que seja bem casado', diz Popenoe. 'Eles estão desiludidos e pessimistas.'" Por que um sociólogo liberal como Popenoe estaria preocupado com o enorme declínio do casamento? Ele estudou várias culturas em todo o mundo em suas pesquisas acadêmicas, e sabe que nenhuma nação pode sobreviver sem a união básica chamada família. Ele provavelmente nunca pensou que o flerte dos EUA com os valores anticristãos poderia alcançar tal ponto, em que toda a instituição do casamento e da família esteja em um declínio irreversível. A Nova Base Satânica dos EUA Quando os EUA foram fundados, de 1776 a 1789, os pais fundadores da nação criaram um governo de acordo com os princípios cristãos. Isso não quer dizer que os principais líderes políticos eram cristãos nascidos de novo. No entanto, o cristianismo puritano era dominante entre a população norte-americana e influenciava tudo na sociedade, e os líderes políticos adotaram seu ponto de vista, mesmo que não fossem pessoalmente salvos. Além disso, muitos dos líderes do segundo e terceiro escalão eram cristãos nascidos de novo. O resultado final foi que nossos documentos mais fundamentais, que criaram nosso sistema de governo, continham preceitos cristãos do início ao fim. A Declaração de Independência, a Constituição Norte-Americana, e a Carta dos Direitos foram todos produtos da doutrina cristã. A maioria das pessoas não sabe que a Assembléia Constituinte designou um comitê de cinco homens para escrever a Declaração de Independência. Um desses homens era um pastor fundamentalista de grande prestígio nas Colônias. A presença ativa dele no comitê garantiu que o ponto de vista cristão dominante fosse amplamente refletido no documento. O governo dos EUA foi criado com um fundamento cristão, resultando em uma série de administrações que, em graus variados, refletiram os interesses, a compaixão e a direção cristãos. O povo norte-americano, nascido em sucessivas gerações também foi influenciado em suas atitudes a ações por essa base cristã. Até mesmo os três poderes, separados, mas iguais do Governo Federal, foram concebidos com base na visão bíblica da natureza do homem! Você sabia disso? O ensino bíblico é que o coração do homem é inerentemente perverso [Jeremias 17:9]; portanto, os ditadores absolutos podem ser tentados a praticar o mal contra seus súditos. Além disso, nossos antepassados tinham muitos exemplos da natureza perversa dos reis ingleses e europeus. Em meados do século XVIII, um líder cristão francês observou uma profecia que dizia que o Messias seria rei, legislador e juiz [Isaías 33:22]. Assim, ele formulou a hipótese que o governo ideal deveria ter essas três funções, distribuídas em três poderes iguais, com algumas salvaguardas para assegurar que nenhum poder obtivesse domínio sobre os outros. O resultado foi nosso governo federal, dividido em Executivo, Legislativo e Judiciário [Suprema Corte] — Rei, Legislador e Juiz. Nossos últimos 221 anos de liberdade são evidência irrefutável de que esse conceito baseado na Bíblia tem nos ajudado muito. Entretanto, os EUA estão sistematicamente rejeitando toda essa herança cristã, como veremos agora. Uma vez que você entenda o que ocorreu, entenderá por que ocorreu, e provavelmente poderá ver em que ponto iremos parar. Desde meados dos anos 60, essa base cristã vem sendo rejeitada e substituída por uma base firmada em valores satânicos. Visto que as atitudes e as ações do governo e do povo provêm de sua base estrutural, devemos esperar que a sociedade passe imediatamente por uma dramática transformação, de uma orientação cristã para uma orientação satânica. Se essa teoria estiver correta, devemos ver evidências em toda a sociedade, nos indivíduos e no governo, de ações de acordo com os valores satânicos. Quais são os principais valores satânicos? A Bíblia Satânica os relaciona: Indulgência em: 1.Egoísmo e ganância; 2.Orgulho; 3.Inveja; 4.Lascívia; 5.Ira; 6.Gula; 7.Indolência (preguiça). A elevação desses valores satânicos ao nível de encorajar seus membros a adotá-los está produzindo tremendos efeitos sociais: •Forte desejo de obter poder sobre os outros; •Forte desejo de acumulação de riquezas e de bens materiais; •Fortes desejos sexuais, a serem satisfeitos não importa quem possa ser ferido; •A vida é depreciada e perde a santidade outorgada por Deus; •Obsessão pela violência e pelo assassinato; •Falta de compaixão ou de empatia pelos indivíduos deficientes ou doentes. Logicamente, você pode reconhecer nossa sociedade nessa relação de valores satânicos, não pode? Todos nossos males sociais são conseqüência da adoção desses valores. Posso pensar especialmente no atual amor à morte — no aborto, no infanticídio, no assassinato, na eutanásia, na obsessão da nossa cultura popular pela morte — como representativas dessa tendência. A Família Sempre Foi um Alvo Especial Deus instituiu a família no jardim do Éden; portanto, Satanás sempre odiou essa instituição. No satanismo puro, a família está constantemente sob ataque Os satanistas jejuam e rezam para que a família seja destruída. O movimento de Nova Era propõe uma atmosfera de comunidade em lugar da família tradicional. A Administração Clinton foi a mais antifamília da história, fazendo mais para erodir essa instituição que qualquer um poderia imaginar. Do livro de Hillary Clinton It Takes A Village [sobre a criação de crianças em comunidades] às flagrantes escapadas sexuais de Bill Clinton, que erodiram seriamente o princípio da fidelidade no casamento, a administração Clinton tentou dar um golpe final na instituição da família. Você pode ver como essa percepção de que os EUA substituíram sua base nacional cristã por uma base satânica verdadeiramente explica por que estamos enfrentando tantos problemas graves de uma forma sem precedentes. Tenha esse princípio em mente, porque o ajudará a entender melhor outros de nossos artigos. Todas as sociedades estão fundamentadas em princípios ou regras chamados de moral, ou normas. Certas atividades consideradas fora dos limites do comportamento aceitável são chamadas de tabus. A moral e os tabus são moldados pelas instituições. As principais instituições em nossa cultura são o governo, as escolas, a mídia de massa e as igrejas. O satanismo tem impactado cada uma dessas instituições. Lembre-se, não estamos dizendo que a maioria das pessoas pratique o satanismo. O que estamos dizendo é que a maioria já adere a alguns dos valores do satanismo em suas vidas. Talvez seja bom revermos os cinco tipos de pessoas que existem na sociedade: 1.Aquelas que são ardorosas em sua religião, e tentam persuadir as outras a se juntar a elas; 2.Aquelas que são sérias em observar suas práticas religiosas e ensinam seus filhos em seus preceitos; 3.Aquelas que são mais ou menos sérias em sua religião, mas crêem solidamente nos preceitos morais dessa religião; 4.Aquelas que não são sérias quanto a tudo que se refira à religião, mas sentem-se constrangidas a viver de acordo com seus preceitos gerais em suas vidas públicas; 5.Aquelas que estão fora da lei, não se importando com a religião de sua cultura, nem em viver de acordo com seus preceitos em sua vida exterior. Esse tipo de pessoa geralmente é presa para remover sua influência da sociedade. Os indivíduos cujas atitudes não estão inflamadas, mas que não são completamente frios em termos de cristianismo, estão agora aderindo a alguns valores satânicos na condução de suas vidas pessoais. Para alguns, isso pode ser sexo, para outros pode ser desejo por dinheiro ou posses materiais, etc., mas a maioria das pessoas hoje e a maior parte da mídia de entretenimento está se deixando levar por alguns dos valores satânicos. Essa é a perspectiva de Deus. Quando você olha para a sociedade atual por essa perspectiva, pode ver claramente por que estamos sendo afligidos por tantos crimes, perversões e tragédias. A situação agora está tão séria que os EUA podem liderar o mundo rumo à satânica Nova Ordem Mundial. Estude cuidadosamente essa relação de cinco tipos de indivíduos em qualquer sociedade. Você pode ver que a relação baseia-se nos valores religiosos predominantes da sociedade? Em nossa sociedade, os que estão inflamados por sua religião são os cristãos nascidos de novo, e aqueles que estão fora das regras são perseguidos e presos por crimes como roubo, assassinato, etc. Todavia, em uma sociedade orientada em termos de satanismo, tudo está virado de cabeça para baixo. Quem está inflamado por sua religião é o satanista, e a sociedade reflete a visão satanista de que tudo absolutamente é permissível. Quem está fora das normas são os cristãos nascidos de novo, que se recusam a participar desse estilo de vida. Eles serão perseguidos e lançados no cárcere. Os valores deles estarão sob ataque constante e aberto. Esse fato é a razão por que o reinado do Anticristo será tão antagônico aos cristãos. Como ele não poderá admitir nossos valores, perseguirá e matará os cristãos onde os encontrar. O próprio fato de vermos essa erosão final da família é apenas mais uma prova de que estamos verdadeiramente no fim dos tempos e que o Anticristo não deve estar muito longe. -------------------------------------------------------------------------------- Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também poderá usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são tempos em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas. Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do Espírito Santo de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia
nádia gazielle oliveira vieira
fonte:UBE
                                                              

terça-feira, 2 de agosto de 2011

esses crentes lerdos e tolos!



E ele lhes disse: O néscios [tolos], e tardos de coração [lerdos] para crer tudo o que os profetas disseram! Porventura não convinha que o Cristo padecesse estas coisas e entrasse na sua glória? E, começando por Moisés, e por todos os profetas, explicava-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras. [ênfases acrescidasLucas 24. 25, 26 e 27
Antes de tudo, permita-me uma explicação: o título é chamativo por si devido à natureza do tema e também por causa de minha deliberada vontade em deixá-lo chamativo. Se você veio aqui indignado porque chamei os crentes de tolos e lerdos, leia o restante e vai entender o título, quem sabe até concordar comigo. Agora, se veio aqui regozijando-se pensando que eu estava ridicularizando os crentes, sinto decepcioná-lo, ou não né! risos

Introdução

Existe uma espécie de consenso social de que ser crente é ser alguém que abriu mão de sua intelectualidade, de seu raciocínio, para crer em baboseiras e contos da carochinha. Esse estereótipo é alimentado por articulistas, comentarista e novelistas que vendem uma imagem daquele que crê em Deus como uma espécie que deveria ser extinta da sociedade, uma anomalia social carente de extirpação. Essa imagem, veremos adiante, não corresponde à realidade, embora haja algumas coisas que a alimentem.

Por que a mídia insiste em denegrir uma importante parcela da população? Porque ser crente, ao contrário do que esse deturpado consenso acredita, é ser detentor de um senso crítico acima da média, e isso representa uma verdadeira ameaça àmanipulação massificada que a mídia emplaca na sociedade. É bem verdade que alguns crentes não fazem bom uso desse discernimento disponível a todo cristão, enfim...

É preciso reconhecer que algumas figuras proeminentes no meio evangélico contribuem para que esse estereótipo de crente retardado, sem noção e sem autocrítica mínima se estabilize e até ganhe corpo, mesmo não representando a realidade. Infelizmente, alguns líderes de renome e de grande projeção midiáticaagem de forma beligerante, enquanto outros agem de forma manipuladora descaradamente.

Agora, você pode estar se perguntando: existem crentes lerdos e tolos? Sim, existem. Calma que vou lhes mostrar que tipo de crente age dessa forma, para que você analise e verifique se não está, ainda que temporariamente, enquadrado nesse seleto rol de celebridades (risos)!

Somos crentes lerdos e tolo quando...

1. Demoramos a crer nas promessas de Deus

A Palavra de Deus merece crédito, é verdadeira e nos traz orientação para a vida prática. Não é uma mera cadeira filosófica que você deve aprender para colar grau e tirar seu diploma. Um dos maiores desastres que um crente pode experimentar em sua vida é deixar de crer nas promessas de Deus para sua vida. Todavia, uma das coisas mais prejuízo podem trazer é demorar a crer nas palavras do Senhor.

Infelizmente, hoje vemos muitas pregações com uma ênfase exagerada no "agora", no "é pra já", no "receba sua vitória agora", etc., e isso tem gerado uma leva de crentes que simplesmente não sabem esperar, que desaprenderam a ver a beleza de Salmos como o 37.4 "Deleite-se no Senhor, e ele atenderá aos desejos do seu coração" e 40 "Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor". Perdemos muito em sermos negligentes na fé.

Observe que o Senhor os repreendeu por demorarem a crer, e não por deixaremde crer. Será que nós também não estamos nos deixando levar pelas circunstâncias e necessitando de um pequeno puxão de orelhas de Deus? Eu, confesso, tenho um histórico de indolência e relutância em crer nas promessas de Deus, mas posso afirmar hoje que quase todas as promessas que Ele me fez se cumpriram ou estão perto de se cumprir. Lembre-se: Deus não é homem para que minta, nem filho do homem para que se arrependa (Nm 23.19)!

E você, está esperando Deus repreendê-lo pela demora em crer?

2. Achamos que a glória vem sem sofrimento
 
Existe, infelizmente, uma grande parcela da população evangélica que se rendeu aos encantos da sereia da teologia da prosperidade, e estão perdendo grandes oportunidade de crescimento e maturidade na fé simplesmente por estarem alinhavados ao chavão "eu rejeito o sofrimento na minha vida", como se sofrer por amor ao evangelho e a Cristo fosse uma erisipela ou espécie de lepra contagiosa.

Outros, por motivos diversos, e falta de paciência, querem apressar as coisas e atropelar etapas necessárias à vida cristã saudável e acabam por sacrificar valores eternos no altar da efêmera vaidade (#prolixidade intencional), e vão colher consequências desastrosas! Aprenda com Jesus: no caminho da glória, havia uma pedra; havia uma pedra (Gólgota, a pedra da Caveira) no meio do Caminho!

Apesar de ser uma afirmação totalmente fora de moda e que não atrai seguidores, ainda assim eu me arrisco a dizer que as derrotas podem nos ensinar muito mais que as vitórias! Quem quer crescer em Cristo, deve estar ciente de que, como Ele padeceu, nós também podemos sofrer:
Embora sendo Filho, ele aprendeu a obedecer por meio daquilo que sofreu. Hebreus 5:8
3. Não nos esforçamos para entender a Palavra de Deus

Como entender a Palavra de Deus, as Escrituras Sagradas, seguindo o conselho de Jesus?
  • considerando TODA a Palavra de Deus. É alarmante sabermos que uma pesquisa nos revela que uma pequena quantidade de pastores leram a Bíblia toda, pelo menos UMA vez. É inadmissível que uma pessoa vocacionada a pastorear o rebanho do Senhor não tenha lido a Bíblia completa. Quando eu estudava para concursos, me vi obrigado a ler a Constituição Federal quase toda. Sabe quantas vezes eu li aquele bendito livro? Talvez umas 40! Se eu não lesse, não passava! E a Palavra de Deus, que é alimento para a alma?
  • quando o verso diz que Jesus começou por Moisés e foi seguindo pelos profetas, isso nos diz que a leitura bíblica deve ter ordem e sequência lógica. Não adianta você pegar a Bíblia, abrir a esmo, fazer um uni-duni-tê e colocar o dedo aleatoriamente e ficar lendo a prestação, você nunca vai crescer na fé assim. Faça um plano de leitura bíblica anual ou leitura por temas, mas inicie uma leitura constante e sequencial da Bíblia e você vai ver que sua fé vai crescer junto.
  • tudo o que Deus faz tem um propósito, tudo. A Palavra de Deus é, antes de tudo, a revelação por excelência do plano de Deus para resgatar o homem e levá-lo de volta ao Lar, tal como se fosse o resgate de alguém raptado. Mas, é também uma carta de amor de Deus para o homem. Ao ler a Bíblia, você deve ter em mente que ela foi escrita por seu Autor com um objetivo definido e específico e, ao mesmo tempo em que ler essa Carta faz você conhecer a mente por trás do projeto, permite que você conheça os planos do Autor.
Tendo isso em mente, ou seja, evitando essas armadilhas:
  1. Demorar a crer nas promessas de Deus;
  2. Iludir-se que glória prescinde de sofrimento, e;
  3. Que é desnecessário esforçar-se para entender a Bíblia,
você estará apto a crer naquilo que Deus lhe prometer, esperar o tempo do cumprimento dessas promessas e entender o propósito que o Senhor tem para sua vida, para honra e louvor de Seu santo nome.

No frigir dos ovos, seremos chamados de lerdos e tolos de qualquer forma: o mundo nos chamará assim se cremos nas promessas de Deus e Deus nos repreenderá chamando-nos de tolos e lerdos se demorarmos a crer em Suas palavras. A questão, então, passa a ser: vamos escolher ser chamados de lerdos e tolos por quem?

Que o Senhor te abençoe de forma poderosa.

ps. desculpe se lhe decepcionei se você achava que eu iria "descer o porrete" em algum profeteiro de plantão, mas sem noção... risos

www.ubeblogs.net




Follow by Email

SELINHO QUE GANHEI. OBG.



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...